Saltar para: Post [1], Comentários [2], Pesquisa e Arquivos [3]

Aqui, é o que me apetece!!

Não só o que me apetece, mas quando me apetece e sobre o que me apetecer! Tenho dito!... E vou continuar a dizer!



Terça-feira, 21.10.14

Preciso de mais 12 horas no meu dia

Isso mesmo: 12 horas.

 

24 horas não dão para nada:

  • No mínimo, passo 9 horas no emprego;
  • Se tudo correr bem, passo cerca de 2,5 a 3 horas em viagem;

 

Com isto já se foram 12 horas...

 

Nas restantes 12 horas que estou em casa:

  • Passo 1 hora - no mínimo - a fazer e desfazer mochilas e marmitas, e a preparar as coisas para o dia seguinte;
  • Estou, no todo, 1 hora na cozinha, entre jantar e ajudar o marido a arrumar;
  • O Salvador leva mais 3 horas: banho, conversar, brincar, preparar para deitar, conversar, deitar, pomadas para isto e para aquilo, pequeno almoço, birras, vestir, preparar para sair...;
  • Comigo devo gastar 1 hora, entre arranjar-me para dormir e arranjar-me para sair, não leva muito mais, porque o tempo não chega;
  • Tarefas domésticas inadiáveis, diárias, consomem no mínimo, 1 hora;
  • No que sobra, umas vezes consigo dormir, outras nem por isso.

 

Assim sendo:

  • Quando algo de diferente é necessário - ir ao banco, aos CTT, ao médico, à farmácia, etc.., - o tempo no emprego estica mais, porque tudo funciona em horas de expediente e depois há que compensar;
  • Quando quero escrever assiduamente nos blogues, ganho umas dores incríveis pelas posições em que vou sentada no comboio para poder ir a escrever no tablet, daí volta e meia estar uns dias sem escrever;
  • Se quero escrever em casa, só o consigo fazer depois de deitar o Salvador e ele, nessa noite especificamente, demora 100 anos a deitar, pelo que eu me deito mais tarde e durmo menos, o que não consigo fazer durante muitos dias seguidos, dado o pouco tempo que já tenho para dormir.

 

Face ao exposto, quero mais 12 horas no meu dia:

  • Para poder dormir mais;
  • Para poder escrever mais;
  • Para poder dedicar mais tempo ao marido;
  • Para poder fazer mais coisas comigo mesma... Tipo ser gaja e maquilhar-me.

 

Mas não. Eu sou:

  • Trabalhadora por conta de outrem... E o outrem já foi mais certo;
  • Mãe do Salvador;
  • Filha;
  • Amiga.

Quem perde? O marido e eu.

As 12 horas de que preciso seriam irmãmente divididas: 6 horas para ele / nós e as restante 6 para mim, sendo que as minhas poderia aplicá-las onde bem entendesse!!!

tempo.jpg

 

Utopias??

Pois claro, na verdade o tempo....

 

... Voa.

 

E, na maior parte das vezes, e sem nos apercebermos, somos nós mesmos que o fazemos voar.

 

A m... da crise até tempo me roubou!! Não bastava já o dinheiro....

Autoria e outros dados (tags, etc)

por Mamã às 22:20


10 comentários

De Maria João Costa a 21.10.2014 às 23:16

Assino em abaixo! Quero mais 12 horas para mim também :)

De Mamã a 22.10.2014 às 13:54

Já viste como iam ser maravilhosos os nossos fins de semana de 3 dias!?!?!?

De Maria João Costa a 23.10.2014 às 23:34

Opá, vamos fazer uma petição! :) Sonhar não custa nada!

De J. M. a 22.10.2014 às 10:26

Eu apoio a petição por mais horas diárias!

De Mamã a 22.10.2014 às 13:55

Onde é que podemos abrir uma petição, oh tu que tudo sabes?!?!?!

De J. M. a 22.10.2014 às 14:07

Podes começar por aqui: http://peticaopublica.com/

De A mãe do Mano a 22.10.2014 às 15:18

A solução é simples: pões o Salvador a escrever para ti, enquanto pintas as unhas e tratas de ti; o marido a fazer as tarefas domésticas enquanto vais às compras (de roupa para ti!) e depois dormes a sesta. Resolvido!

De Mamã a 27.10.2014 às 21:32

A ter em conta, sim....

De BataeBatom a 26.10.2014 às 21:02

Também tenho pensado na triste realidade de vermos o dia ocupado pelas aulas ou pela profissão.
Mesmo sem essas horas diárias de viagem, os nossos dias estão ridiculamente cheios!!!
Ainda na semana passada comentei com alguém, ao passar junto de uma escola, pelas 18h e tal, que não acho correto manterem as crianças nas escolas durante tanto tempo. Agora já é noite, a essa hora. Chegam a casa e o tempo dá para o quê? Tomar banho, comer, fazer tpc's e ir dormir. E o tempo com a família? E o tempo ao ar livre, em contacto com a Natureza e sem horários?
Com os adultos, nos seus empregos é a mesma coisa. Tantas horas diárias para quê?
Os horários são feitos por humanos (ou desumanos, sei lá!). Deviam compreender que não vivemos para trabalhar, mas trabalhamos para viver. Sinceramente, sinto-me presa numa sociedade regida por horários ridículos, pois sei que não seriam necessárias tantas horas de trabalho, para sermos produtivos e nos sustentarmos. Mas a ambição de alguns despoletou este estilo de vida...

De Mamã a 27.10.2014 às 21:32

Ai, BataeBatom, se soubesses as telhas que me dão de vez em quando por causa disso...
...Tu já não vives, principalmente se o dinheiro que ganhas só te chega para sobreviver.

Comentar post



Mais sobre mim

foto do autor


Subscrever por e-mail

A subscrição é anónima e gera, no máximo, um e-mail por dia.

Pesquisar

Pesquisar no Blog  

calendário

Outubro 2014

D S T Q Q S S
1234
567891011
12131415161718
19202122232425
262728293031